Pin It

O Pier Mauá ganhou na última quinta-feira (27) mais um ponto turístico. Foram reinaugurados dois guindastes, datados de 1968, recém-restaurados, que prometem abrilhantar ainda mais o local. Tombados pelo município, por sua integração aos armazéns do Porto, os equipamentos receberam tratamento especial da Concessionária. O projeto de iluminação é assinado pela designer Mônica Luz Lobo.

A solenidade contou com a presença do presidente do Pier Mauá, Luiz Antonio Cerqueira, diretora-geral do Pier Mauá, Denise Lima, diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), Antônio Carlos Barbosa e a designer Mônica Lobo.

De acordo com Denise Lima, o projeto de restauração e iluminação destes guindastes valoriza a região do Porto e resgata sua importância para a cidade do Rio ser o que é hoje.

Os equipamentos que ajudaram a construir a história econômica e sociocultural da cidade com a atividade portuária, não operam há pelo menos 20 anos. Chegaram na década de 50 e na época foram trocados por sacas de café. Os guindastes estão desativados por terem se tornado obsoletos frente às novas tecnologias e estão espalhados por toda a costa brasileira, de Manaus até Rio Grande.