0
0
0
s2smodern

Uma norma brasileira, desenvolvida pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), voltada para sustentabilidade nos meios de hospedagem servirá como base para um novo protocolo da entidade mundial responsável pela padronização de produtos e serviços, a ISO (International Organization for Standardization ). O documento brasileiro intitulado “Meios de hospedagem — Sistema de gestão da sustentabilidade — Requisitos” irá embasar o que já está sendo chamado de ISO/CD 21401, com previsão de publicação para o segundo semestre de 2018.

A decisão foi anunciada no ano dedicado ao Turismo Sustentável pela Organização das Nações Unidas (ONU). A norma foi criada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas, em parceria com o Comitê Brasileiro de Turismo, do qual o Ministério do Turismo faz parte. A regra aponta requisitos relativos à sustentabilidade de meios de hospedagem, estabelecendo critérios mínimos específicos de desempenho em relação ao tema e permitindo que um meio de hospedagem formule objetivos que levem em conta os requisitos legais e informações referentes aos impactos ambientais, socioculturais e econômicos.

Agências de Viagens

Geração millenium é responsável por quase metade das compras de passagens aéreas no Brasil

Segundo levantamento da agência ViajaNet, jovens entre 18 e 34 anos respondem por 45,34% do comércio de bilhetes aéreos e já são maioria no País

Segundo pesquisa exclusiva da agência virtual ViajaNet, a geração millenium já responde por 45,34% do total de vendas de passagens aéreas no Brasil. A participação dos consumidores entre 18 e 34 anos representa o público que mais compra bilhetes aéreos no País.

De acordo com o levantamento, que avaliou o perfil de compra de janeiro a agosto deste ano, os consumidores entre 35 e 54 anos representam 38,94% das vendas de passagens aéreas. E a menor participação ficou na população da terceira, com consumidores acima de 55 anos, com 15,72% dos bilhetes comprados.

vendas de passagens aéreas por faixa etária de consumidores