Pin It

O secretário estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento (Seappa), Eduardo Lopes, participou nesta terça-feira (29), em Paty do Alferes, no Sul fluminense, do evento de apresentação de projeto de Turismo Rural, idealizado pelo prefeito do município, Juninho Bernardes. A proposta tem como objetivo buscar parcerias junto ao Sebrae-RJ para alavancar a o segmento. Na ocasião também foi lançado material impresso de divulgação com mapa turístico da cidade e calendário de eventos de 2019.

Eduardo Lopes falou das principais ações para o fomento do turismo rural no Estado, ressaltado que uma de suas primeiras iniciativas à frente da pasta foi contar com a parceria do asessor especial de turismo, Pablo Kling, para tratar de assuntos ligados diretamente ao projeto, já em andamento.

_ Em conversas com o governador Wilson Witzel, temos escutado dele que o turismo é o nosso petróleo. Digo que o nosso petróleo são o turismo e o agronegócio, e Paty do Alferes pode contar com a parceria da Seappa – enfatizou.
O prefeito Juninho Bernardes explicou que o projeto de turismo rural tem o objetivo de valorizar os produtores, alavancando uma das grandes potencialidades da região, como a famosa Festa do Tomate, que acontece anualmente.

_ Estamos atraindo turistas para nossa cidade. Temos todas as potencialidades para isso, mas falta preparação. Agora estas arestas estão sendo aparadas e organizadas para receber os visitantes da melhor maneira possível. O secretário de Agricultura já afirmou que via Emater, através do programa “Estradas da Produção, vai ajudar na infraestrutura do nosso projeto. Um dos principais objetivos é gerar emprego e, principalmente, renda para os nossos agricultores – frisou ele.

Para o coordenador regional de turismo rural da Seappa, Pablo Kling, o lançamento do projeto é fundamental para o desenvolvimento econômico e social da região.

_ O turismo rural em Paty do Alferes sempre existiu. O governo municipal está ciente disso e prepara novidades para atrair cada vez mais turistas com pacotes bastante atrativos. Estou confiante que o turismo rural irá contribuir para o desenvolvimento econômico da região e de todo o estado do Rio de Janeiro”, completou Kling.