Pin It

Marcelo Crivella, prefeito do Rio de Janeiro, participou de um encontro com os secretários e presidentes de empresas públicas, como Marcelo Alves, da Riotur. No encontro foi feito um balanço da atuação dos órgãos municipais e classificou o grande evento desse ano como o ‘’ Carnaval do Recordes’’.

O investimento do setor privado na festa, foi o maior até hoje: R$ 41 milhões. Uma pesquisa feita pela Riotur, em parceria com a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), mostrou o índice de satisfação de 98% entre os turistas que vieram para a folia carioca.

Segundo o prefeito, temos muitos recordes a comemorar, mas o mais importante é o de financiamento da iniciativa privada. Foram R$ 41 milhões para o Carnaval. Isso faz com que a Prefeitura coloque menos recursos públicos, o que é um grande benefício para todos nós. O Carnaval precisa ter sustentabilidade, viabilidade. É a maior festa do mundo, não faz sentido nenhum ele viver de recursos públicos. Tivemos lotação recorde nos hotéis. Foi um Carnaval maravilhoso.

O levantamento da Riotur foi feito com em diferentes pontos da cidade e constatou que 98,4% dos estrangeiros vão recomendar a Cidade Maravilhosa como destino turístico. Esse resultado supera os de outra pesquisa, feita em 2018, em que 95% dos turistas já haviam aprovado a cidade.

Entre os entrevistados estavam foliões de vários países. Os mais significativos eram: Argentina (8,0%), Chile (5,6%); França (2,4%), Estados Unidos (1,6%), Portugal (1,6%), Nova Zelândia (1,6%), Alemanha (1,6%) e Uruguai (1,6%).

No Brasil, os paulistas foram os que mais escolheram o Rio como destino para as folias de Momo. Vamos aos números: São Paulo (19,2%), Minas Gerais (8,0%), Ceará (4,8%), Rio de Janeiro (4,0%), Espírito Santo (4,0%), Bahia (4,0%), RS (3,2%), PE (2,4%).