Pin It

O terceiro dia do Brasil na feira internacional de turismo de aventura Adventure Travel World Summit (ATWS) começou agitado. Nesta quarta-feira (18), o presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Gilson Machado Neto, mostrou aos organizadores do evento, Adventure Travel Trade Association (ATA), os principais projetos e diretrizes da autarquia.

O ecoturismo e o turismo de aventura foram apresentados como novos focos da política de divulgação da Embratur para atrair o turista estrangeiro. “O Brasil possui clima e seis biomas diferentes, únicos. O ano inteiro temos condições de oferecer nossa biodiversidade às pessoas que buscam um contato maior com a natureza. Tenho certeza que essa mudança de foco nos ajudará, no futuro, a colher frutos no setor”, explicou Gilson.

Ele relatou ainda que é a 1ª vez que um presidente do instituto participa do evento, que este ano ocorre em Gotemburgo (Suécia). A ATWS é um dos eventos mais importantes do mundo relacionados a turismo de aventura, são 850 operadores de turismo mundiais presentes e mais de 25.000 pessoas acompanhando pelo mundo. “Queremos mostrar nosso compromisso, e do Presidente Jair Bolsonaro, com o ecoturismo, aliado a preservação ambiental. Programas como o afundamento de barcos para estimular mergulho, turismo náutico e pesca em rios mudarão a imagem do nosso país”, concluiu.

Shannon Stowell, CEA da ATTA, agradeceu a vinda do presidente da Embratur ao evento. Ele relatou que já esteve 12 vezes no Brasil e possui enorme carinho pelo país. Ele foi acompanhado por Casey Hanisko, Presidente do Adventure360. A Adventure Travel Trade Association possui mais de 1.300 membros de 100 países.

Amazônia

Outro ponto abordado na reunião foi a situação da Amazônia. Gilson Machado alertou a ATTA e os presentes na ATWS para tomarem cuidado com os exageros da mídia. Ele garantiu que o Governo Federal trabalha fortemente na proteção da floresta. Ao final, o presidente da Embratur relatou o interesse do Brasil em sediar, na Amazônia, uma próxima edição da ATWS. A declaração foi bem vista pelos organizadores que se comprometeram a analisar e negociar o tema.