0
0
0
s2smodern

Os turistas internacionais que visitaram o Brasil em abril gastaram US$ 499 milhões nos destinos brasileiros, um salto de 19,6% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando a receita cambial do turismo alcançou US$ 417 milhões. No acumulado do ano o resultado também foi positivo com crescimento de 7,52%. A soma das receitas de janeiro a abril é de US$ 2,43 bilhões, frente a US$ 2,26 bilhões registrados no mesmo período de 2017.

O percentual de 19,63% de aumento da receita em abril, representa o maior percentual ano, superando janeiro, fevereiro e março. “Termos resultados melhores que o ano passado é um bom indicativo, já que 2017 foi um ano de recorde no número de estrangeiros em visita ao Brasil”, comenta o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

Os dados do Banco Central mostram também que houve aumento no gasto do brasileiro lá fora (US$ 1,53 bilhão), de mais 16% na comparação com abril de 2017. No acumulado do ano, a despesa cambial do turismo subiu de US$ 5,79 bilhões para US$ 6,47 bilhões, acréscimo de 11,58%. Os números referem-se aos gastos com cartão de crédito e trocas oficiais de moeda.

Agências de Viagens

Geração millenium é responsável por quase metade das compras de passagens aéreas no Brasil

Segundo levantamento da agência ViajaNet, jovens entre 18 e 34 anos respondem por 45,34% do comércio de bilhetes aéreos e já são maioria no País

Segundo pesquisa exclusiva da agência virtual ViajaNet, a geração millenium já responde por 45,34% do total de vendas de passagens aéreas no Brasil. A participação dos consumidores entre 18 e 34 anos representa o público que mais compra bilhetes aéreos no País.

De acordo com o levantamento, que avaliou o perfil de compra de janeiro a agosto deste ano, os consumidores entre 35 e 54 anos representam 38,94% das vendas de passagens aéreas. E a menor participação ficou na população da terceira, com consumidores acima de 55 anos, com 15,72% dos bilhetes comprados.

vendas de passagens aéreas por faixa etária de consumidores