Pin It

O Banco Central Europeu lançou a medida de reter as notas de 500 euros com o objetivo de combater a fraude fiscal. Tais notas são associadas à atividades criminosas, como esquemas de lavagem de dinheiro, tráfico de drogas e terrorismo.

Mesmo com o término da produção há quatro anos, existem mais de 500 milhões de notas como esta em circulação pelo continente. A medida entra em vigor a partir do dia 27 de janeiro. Países como Alemanha e Áustria terão um prazo maior, pelo fato de utilizarem bastante a nota.