O Museu Índia Vanuíre - instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari - realiza a Semana Tupã em Comemoração ao Dia Internacional dos Povos Indígenas (09 de agosto). A data foi criada em 2012, quando foi rememorado os 100 anos da “pacificação” Kaingang no oeste de São Paulo. As atividades têm início dia 14 de agosto (terça-feira), com oficinas, bate-papo e exibição de vídeos sobre a cultura indígena.

A sétima edição da programação é uma oportunidade de difundir informações e promover o conhecimento, buscando desfazer estruturas que consolidam ideias errôneas e limitadas sobre os índios no Brasil, aproximando a comunidade da cidade das etnias que habitam a região: os Kaingang, Krenak e Terena.

As ações são divididas em três projetos: as oficinas ministradas por indígenas na praça da Bandeira, de 14 a 18 de agosto, em quatro sessões, às 09h00, 10h00, 14h00 e 15h00, o Saberes e Fazeres Indígenas edição especial com a presença de indígenas mediando a exposição do Museu com o público, de 14 a 17 de agosto, das 09h00 às 16h00, e o Cultura e Questões Indígenas em Foco – Edição Especial, realizado no mesmo período, às 11h00 e às 16h00, com diferentes documentários.