A Singapore Airlines voltará a ter a rota área mais longa do mundo. Depois de perder o título para a Qatar Airways, com o voo Doha (Qatar) – Auckland (Nova Zelândia), cuja viagem dura mais de 17 horas, a empresa de Singapura retornará o trecho para Nova Iorque. Estima-se que o trajeto entre o país asiático e a cidade norte-americana dure um pouco mais de 18 horas.


O avião da Airbus que fará esta rota transporta no máximo 161, com a distribuição 1-2-1 na classe executiva; e 2-4-2 na classe econômica. O voo oferecerá Wi-Fi pago, que varia de 6 a 28 dólares, dependendo da quantidade de magabites que o passageiro solicitar.


O terceiro voo mais longo do mundo pertence a Qantas Airlines, com a ponte aérea entre Perth (Austrália) e Londres (Inglaterra), que demora, exatamente, 17 horas.