0
0
0
s2smodern

A presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Teté Bezerra, acompanhada de assessores, desembarcou hoje, dia 29 de junho, em Madri, capital espanhola, para realizar reuniões com importantes organizações do turismo internacional.

Ela se encontrou com o secretário-geral da Organização Mundial de Turismo (OMT), Zurab Pololikashvili, e apresentou o modelo atual de atuação da autarquia, mostrando como pode ser modernizada a partir da aprovação do projeto de lei que tramita no Congresso. Na Turespaña, agência de promoção e comercialização do turismo na Espanha, que exerce a mesma função da Embratur, o intuito foi realizar um bechmarking com a agência que é referência para o segmento no mundo.

Encontro na OMT

Na sede da Organização Mundial de Turismo, em Madri, na reunião entre a Embratur e o órgão internacional, a presidente Teté Bezerra apresentou o plano de modernização do Instituto, e a importância da aprovação do projeto de lei, que faz com que a autarquia ganhe maior autonomia, tornando-se um serviço social autônomo.

Já o secretário-geral da OMT, Zurab Pololikashvili, reforçou a importância do Brasil para a região do Cone Sul, bem como a intenção do Instituto em realizar ações para apoiar o turismo no País. O secretário afirmou à presidente da Embratur que a OMT está desenvolvendo um projeto de capacitação e certificação para o Brasil, e que buscará, na iniciativa privada, parceiros para execução deste projeto.

O case da Turespaña

A Turespanã é um case na promoção internacional de destinos. A agência espanhola possui 33 escritórios que fazem a divulgação do país, além de servir de apoio para empresários espanhóis e de mercados emissores ao redor do mundo.

A entidade, que está ligada ao Ministério de Indústria, Comércio e Turismo Espanhol, apresentou a estrutura de sua estratégia de marketing, baseada principalmente nas mídias digitais, bem como o caminho traçado para chegar aos mais de 80 milhões de turistas internacionais por ano.