Pin It

O filho do primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, Yair Netanyahu, deixou uma dívida de quase 10 mil reais no hotel Hilton, na Avenida Atlântica, em Copacabana. Ele veio acompanhar o pai ao Brasil para a posse do presidente Jair Bolsonaro, que foi realizada em janeiro e ‘’esqueceu’’ de pagar a conta que incluía despesas de quatro noite e contas extras para serviços como lavanderia e serviço de quarto.

"O hotel solicitou reembolso sem sucesso até o momento. Apelou para o Ministério das Relações Exteriores do Brasil, causando certo embaraço e dificuldade. Não há um acordo orçamentário que permita cobrir uma dívida deixada pelo primeiro-ministro e pelo filho, que tirou férias particulares na visita de estado de seus pais", afirma a matéria publicada na última terça, dia 12 de março, pelo periódico israelense, para a Revista Encontro.

O custo para as duas primeiras noites foi de R$ 1.836, enquanto o das duas últimas noites foi de R$ 2.827, aparentemente em função da festa de Ano Novo. O jovem Netanyahu ficou hospedado entre os dias 28 a 31 de dezembro

A assessoria do primeiro ministro afirmou em um comunicado que “a família recebeu a conta há poucos dias e a pagará, como esperado’’, segundo o portal de notícias O Globo.