Pin It

O governo realizou na manhã desta sexta-feira (15), na sede da B3 em São Paulo, um leilão de 12 aeroportos concentrados na região Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. Durante o momento, as empresas estrangeiras dominaram as compras. De acordo com dados da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), o governo arrecadou à vista R$ 2,377 bilhões. O ágio médio do leilão foi de 986%.

Com essa nova mudança na gestão dos aeroportos, aproximadamente 70% do tráfego aéreo brasileiro será administrado por empresas privadas. Esta foi a quinta rodada de leilão de aeroportos. A previsão é de ter outra rodada de licitação com três blocos incluindo até 24 terminais da Infraero. Provavelmente o governo anunciará a medida nos próximos dias.

Blocos leiloados

Nordeste: Recife (PE); Maceió (AL); João Pessoa (PB); Aracaju (SE); Juazeiro do Norte (CE); e Campina Grande (PB)

Sudeste: Vitória (ES) e Macaé (RJ)

Centro-Oeste: Cuiabá (MT); Sinop (MT); Rondonópolis (MT); e Alta Floresta (MT).