Pin It

Organizado pela produtora cultural Danusa Carvalho e o rapper Flávio Renegado, o projeto busca difundir a identidade gastronômica das comunidades, reconhecendo o seu potencial de gerar renda com a valorização e o intercâmbio dos conhecimentos da mão de obra periférica. O evento terá shows, oficinas, palestras e atividades para as crianças.

Os cozinheiros que moram na região e apresentarão suas especialidades na Rua Engenheiro Manoel Segurado, do meio-dia às 20h, são:

Thaisa Nascimento, da ThataArtes, leva ao evento sua receita de Banana Pudding, uma sobremesa americana de banana e creme que lembra um pavê (R$ 10).

O Baião de Dois (R$ 15), assinado pelo chef Fagner Mendes, vem com tudo que tem direito: arroz, feijão fradinho, queijo coalho, linguiça calabresa e bacon.

Já o X-Tudão (R$15), de Christopher Esmarte, da barraca Chris Lanches, leva presunto, muçarela, bacon, ovo frito, alface, tomate e molhos. Outra opção caprichada é a carne seca do Cesar Gomes, com nhoque, aipim frito e farofa (R$ 15).

O chef João Diamante foi o escolhido para selecionar os cozinheiros e dar capacitação por onde o projeto passar, auxiliando na apresentação e precificação dos pratos. Foram escolhidos entre oito e nove expositores de gastronomia em cada uma das comunidades.

No dia 25, a festa gastronômica acontece na Rua Geribá, Grajaú, Zona Norte do Rio, do meio-dia às 20h. A festa de encerramento será no primeiro sábado de dezembro (02/12), no Terreirão do Samba (Rua Benedito Hipólito 66, Centro do Rio de Janeiro), das 13h à meia-noite, com grande confraternização, muita música e comida gostosa. O ingresso custará R$ 5 ou R$ 2,50 para quem levar 1kg de alimento ou um brinquedo para doação.

Todo o lucro sobre as vendas dos produtos vai para os atores gastronômicos. Belo Horizonte, onde o projeto nasceu, recebeu as duas primeiras edições do Circuito Gastronômico de Favelas, nos anos de 2017 e 2018, e reuniu um público de 60 mil pessoas.