0
0
0
s2smodern

A Genexus, desenvolvedora global de produtos para software baseados em Inteligência Artificial, anuncia seu novo country manager para a operação no Brasil. Ricardo Recchi, ex-CIO da SONDA, traz para a organização sua experiência de mais de 30 anos no mercado de Tecnologia da Informação.

Como country manager para o Brasil, o executivo terá como missão promover um crescimento exponencial da Genexus no País, suprindo as demandas de Transformação Digital e TI Bimodal por meio de produtos da desenvolvedora que embarcam tecnologias como Inteligência Artificial, Desenvolvimento Acelerado de Aplicações, Web Responsivo, Smart Devices, integração com SAP e IBM Watson, Mercado Livre, IoT, Machine Learning, Big Data, entre outros.

"Com a gradual retomada da economia brasileira, o mercado tende a sentir o efeito da escassez de mão de obra qualificada para o desenvolvimento de aplicações utilizando tecnologias de ponta. A Genexus, em contrapartida, vem preencher esta lacuna, acelerando o processo de desenvolvimento dos clientes frente às novas tecnologias e, consequentemente, minimizando os efeitos da falta de mão de obra qualificada, que será cada vez maior", comenta Recchi.

Familiarizado com a plataforma da desenvolvedora global, o executivo traz em sua bagagem o desenvolvimento de uma célula especializada em Genexus ao longo de seus 17 anos de atuação na SONDA, que soma às suas habilidades técnica, comercial e de gestão. Em seu histórico, Recchi foi pioneiro no Brasil na adoção de metodologias e certificações internacionais, como ISO 9000, CMM, ISO 20.000 e ISO 27001.

Agências de Viagens

Geração millenium é responsável por quase metade das compras de passagens aéreas no Brasil

Segundo levantamento da agência ViajaNet, jovens entre 18 e 34 anos respondem por 45,34% do comércio de bilhetes aéreos e já são maioria no País

Segundo pesquisa exclusiva da agência virtual ViajaNet, a geração millenium já responde por 45,34% do total de vendas de passagens aéreas no Brasil. A participação dos consumidores entre 18 e 34 anos representa o público que mais compra bilhetes aéreos no País.

De acordo com o levantamento, que avaliou o perfil de compra de janeiro a agosto deste ano, os consumidores entre 35 e 54 anos representam 38,94% das vendas de passagens aéreas. E a menor participação ficou na população da terceira, com consumidores acima de 55 anos, com 15,72% dos bilhetes comprados.

vendas de passagens aéreas por faixa etária de consumidores