0
0
0
s2smodern

Na ação desenvolvida na França para detalhar a operadores e agentes de viagens como vai funcionar o novo voo ligando Paris e Amsterdã a várias cidades do Norte e Nordeste do Brasil, a partir da chegada do hub em Fortaleza, ficou claro que, definitivamente, o Ceará funcionará como uma forte opção de entrada para os turistas que vêm da Europa para todo o norte do País.

Tanto o presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vinicius Lummertz, quanto o secretário de Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, bem como o embaixador do Brasil na França, Paulo Campos, enfatizaram essa relevância que a capital cearense passa a ter como polo receptor de turistas, bem como de emissor desses turistas para os demais destinos da região.

 Lummertz voltou a destacar a importância da nova frequência de voos para a consolidação da modalidade de "low cost" (baixo custo, em inglês) no Brasil. O trajeto de nove horas, direto de Paris ou Amsterdã para Fortaleza, será operado pelas empresas Air France, KLM e Gol.

 Após a entrada em operação deste voo e de outros, bem como com a aprovação, pelo Congresso, do projeto que prevê a abertura do capital das empresas aéreas a estrangeiros (atualmente há um limite de 20%, que pode ser ampliado a 60% ou até 100%), haverá mais competição, acredita Lummertz. Ele adiantou que a Embratur está fazendo contatos com outras empresas europeias de baixo custo buscando atrai-las para operar no Brasil.

 O secretário Arialdo está otimista e trabalha com uma meta ousada: que o Ceará vai atingir, em dois anos, uma participação de 35% no bolo de turistas franceses que vêm para o Brasil. Em 2016, seguindo uma tendência dos últimos anos, o Rio de Janeiro foi o destino preferido (65,1%), seguindo de Foz do Iguaçu (22,9%), Parati (20,9%), São Paulo (19,2%) e Angra dos Reis (17,2). 

A Air-France anunciou no workshop para profissionais do turismo, organizado pela embaixada brasileira na França e Embratur, que a conectividade será um dos pontos altos dessa nova frequência de voos. Segundo Valerie Le Quille, executiva da empresa, o acordo entre Air-France, KLM e Gol permitirá que, em aproximadamente uma hora de intervalo o passageiro que veio da Europa esteja em condições de embarcar para Natal, Recife, Salvador, Belém e Manaus, num primeiro momento.

_Promo USA 300x250