A irlandesa Ryanair ultrapassou a Lufthansa como a maior companhia aérea da Europa por número de passageiros depois que a alemã anunciou nesta terça-feira (10) um aumento de apenas 1,8% no número de pessoas que voaram em 2016.

Os 109,7 milhões de passageiros da Lufthansa no ano passado ficaram aquém dos 117 milhões de passageiros informados pela Ryanair na semana passada, um aumento de 15% em relação a 2015, com a empresa aérea irlandesa atraindo passageiros com preços baixos.

Durante o ano, outras companhias aéreas de baixo custo também registraram bom desempenho. A Norwegian Air Shuttle, por exemplo, registrou 29 milhões passageiros, aumento de 14%. A Wizz Air registrou 19 % a mais, com 22,7 milhões de pax. Entre as aéreas de baixo custo, o menor aumento foi da EasyJet,  com alta de 6,6% no número de passageiros, para 74,5 milhões.

A Lufthansa continua a ser o maior grupo de companhias aéreas da Europa em termos de receita, porque faz mais voos de longas distâncias e tem suas próprias unidades de restauração e manutenção de aeronaves.