Companhia espera queda de 20% a 30% das tadas de ocupação médias

A United também entrou na lista de companhias aéreas que anunciou novas medidas por conta da pandemia do novo coronavírus. Em mensagem enviada a todos os funcionários, o CEO Oscar Munoz, e o presidente da United, Scott Kirby, afirmaram que a receita esperada para março é US$ 1,5 bilhão menor do que o registrado no mesmo período de 2019.salários
Por conta das dificuldades, a empresa anunciou o corte de 50% nos salários de colaboradores corporativos que trabalham em escritórios, bem como a redução de 50% da capacidade de voos para os meses de abril e maio. “A notícia ruim é que está piorando. E mesmo com estes cortes, esperamos quedas de 20 a 30% nas taxas de ocupação media de nossas aeronaves. E isto se as coisas não ficarem piores do que já estão hoje”, disseram Munoz e Kirby, em mensagem oficial.
Outra medida tomada pela United foi a oferta de um mês de férias em abril a todos seus pilotos de aeronaves widebodies, geralmente utilizadas em voos internacionais de longa distância.

Siga-nos

 

Mais Lidos