Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba continuam se organizando para reabrir o setor turístico

O Circuito Litoral Norte lançou uma campanha junto com os principais operadores do país, que já exigem protocolos de segurança para contratar parceiros locais.

As cidades do Litoral Norte de São Paulo vêm se destacando como destino turístico seguro para a retomada do setor no Estado. Graças ao rigoroso cumprimento dos protocolos de saúde e segurança recomendados pelos órgãos estaduais e municipais, Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba seguem se organizando para reabrir o setor turístico.

A segurança é um dos principais fatores na decisão de um destino na retomada das viagens. Além do eficiente controle feito pelas administrações municipais para evitar a contaminação e reforço nas estruturas de atendimento hospitalar, o trade turístico também está investindo e se preparando por meio de protocolos de segurança dos principais órgãos de saúde.

Em Caraguatatuba, por exemplo, além dos protocolos estaduais que estão sendo seguidos, também foi criado um selo com normas sanitárias do município. "Em Caraguatatuba, o prefeito Aguilar Junior tomou todas as providências para termos uma retomada consciente, gradual e segura pós-pandemia. Estamos criando decretos como o que determina a utilização de máscaras em transportes públicos e transporte por aplicativo, além de comércios e prestadores de serviços, sempre buscando preservar vidas da nossa população e de quem de quem visita Caraguatatuba. Nosso selo municipal, lançado na última semana, também tem o objetivo de garantir o bem-estar não apenas do turista, mas de quem trabalha nos estabelecimentos, cumprindo assim todos os protocolos de segurança e sanitização recomendados pela vigilância sanitária”, diz a secretária de Turismo de Caraguatatuba, Maria Fernanda Galter Reis.

Bertioga também está preparando a retomada do Turismo com toda responsabilidade e conscientização. “Nossos meios de hospedagem estão se preparando para um protocolo adequado ao momento em que estamos e para receber seus hóspedes sejam recebidos com as medidas necessárias de higiene e saúde. Nessa pandemia, nossa cidade tem sido um exemplo na preocupação com a vida e vamos seguir dessa forma quando pudermos receber os visitantes”, reforça o secretário de Turismo de Bertioga, Ney Carlos da Rocha.

Para o secretário de Turismo de Ubatuba, Potiguara do Lago, graças ao pioneirismo da região no combate à pandemia, a retomada de forma gradual coloca o Litoral Norte entre os principais destinos para o turista.

“Acredito que todo o Litoral Norte de São Paulo é um dos lugares mais seguros para o Turismo pós-pandemia, porque começamos desde cedo a seguir todas as recomendações de segurança. Trabalhamos alinhados com a mesma ideia de segurar a onda para retomar no momento certo. Em Ubatuba, estamos preparando critérios sanitários e protocolos que os empreendimentos turísticos devem seguir, como a redução da capacidade e regulamentação de uso das praias. E, a partir de julho, a previsão é de que tenhamos a abertura de alguns setores, como hotelaria”, ressalta.

“É fundamental a união de todos em torno das medidas de segurança. Lançamos uma campanha que valoriza as medidas de prevenção e enfrentamento à propagação do Coronavírus. A nossa proposta é priorizar as atitudes de compromisso e amor com a cidade, em todo o trade. Além dos decretos da prefeitura sobre a importância da obediência às medidas de prevenção, é necessária uma mudança de hábitos. Somente dessa maneira a retomada das atividades será feita de forma segura”, completa a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Ilhabela, Bianca Colepicolo.

Trade regional adere ao selo Turismo Responsável

Aliado às ações tomadas pelos cinco municípios da região, o Circuito Litoral Norte vem incentivando o trade regional a adesão ao selo Turismo Responsável. Lançada pelo Ministério do Turismo, a chancela visa reconhecer os empreendimentos e profissionais do segmento que estão cumprindo os protocolos de segurança e saúde recomendado pelos órgãos oficiais, e, além de tudo, oferecer ao turista um incentivo para que tenha confiança na retomada de suas viagens.

De acordo com o secretário Executivo do Circuito Litoral Norte, Gustavo Monteiro, o Turismo Regional será o primeiro a retomar no segundo semestre, sempre de acordo com o plano de reabertura do Estado de São Paulo e políticas de cada município, portanto, é essencial que os empreendimentos e profissionais estejam preparados para receber os visitantes com equipe treinada e equipamentos recomendados para segurança. “É importante esse alinhamento da cadeia do turismo com o poder público, pois o turista precisa dessa segurança”.

O selo é gratuito e opcional. Para solicitá-lo, é preciso observar se a empresa atende as orientações previstas no protocolo destinado ao segmento em que atua e deve estar com situação regular perante o Cadastur. O selo deverá ser colado em local de fácil acesso ao cliente e conterá um QR Code onde o turista poderá consultar as medidas adotadas por aquele empreendimento e/ou profissional e possibilitará, inclusive, a realização de denúncias em caso de descumprimento.

Além disso, o Circuito Litoral Norte lançou uma campanha junto aos principais operadores do país, na qual os novos produtos serão formatados com a segurança da operação, processo de compra e garantia de fluxo de busca qualificada desses canais já consagrados.

Siga-nos