Principal linha de cruzeiros pelo mundo, proporciona roteiro de 12 noites

 O Alasca, também conhecido como “A Última Fronteira", é um estado cheio de contrastes para quem gosta de aventuras e quer desvendar segredos da natureza. Gigantescas e imponentes geleiras, tundras, fiordes e canais são apenas alguns exemplos das cinematográficas paisagens que fazem parte da experiência de um cruzeiro por lá. A Regent Seven Seas, a principal linha de cruzeiros marítimos de luxo do mundo, proporciona um roteiro de 12 noites que vai levar o hóspede a um mergulho profundo nos cenários e na cultura local, além de garantir outras belezas oferecidas pela costa oeste da América do Norte.

Durante o finalzinho do verão no hemisfério norte, os dias ainda são um pouco mais longos e, por isso, perfeitos para aproveitar as belezas naturais. Observar os ursos na área da Ilha do Príncipe de Gales, uma aventura através dos fiordes a bordo de um hidroavião com destino ao Misty Fjords National Monument, ver as focas e baleias brincando no mar, um passeio de caiaque aos pés das geleiras ou uma incursão de bicicleta pela floresta são algumas das indescritíveis experiências disponíveis.

Trilhas e passeios levam a cenários históricos da corrida do ouro no século XIX, a museus e a exploração do gigantesco Glaciar Mendenhall. Belas cidades como Juneau e Sitka oferecem estupendas paisagens naturais intocadas em seus arredores, com fauna e flora de rica diversidade. O viajante tem à sua disposição cerca de 70 opções de passeios terrestres que promovem uma interação com a história e os costumes locais.

A bordo do Seven Seas Mariner os hóspedes cruzam o mar gelado e através das experiências em terra podem compreender com maior profundidade e se relacionarem pessoalmente com cada um dos portos de escala.

Siga-nos