Pin It

A temporada de inverno em Bariloche foi um dos melhores dos últimos anos e o verão foi apresentado com grande otimismo para a indústria nesta temporada. O inverno foi novamente dos "brasiloches", uma referência aos brasileiros que visitaram a região e desfrutam de atividades, chocolate, cerveja artesanal e muita neve.

Os números de julho indicam que foi o quarto ano consecutivo de crescimento sustentado para a indústria do turismo. A ocupação hoteleira de Bariloche teve uma média de 83% com picos de 95% em mais de 30.000 lugares qualificados. Este ano, a cidade alcançou 1.130.000 de estadias de noite em julho, comparado aos dados em 2018 que somam 971,583. Já no mesmo período tivemos cerca de 213.500 mil turistas, 20% a mais comparado aos 177.772 mil que visitaram a cidade em 2018.

Este ano, em julho, em termos de voos, houve um aumento no movimento dos passageiros de 56% com o número recorde e histórico em um dia chegando a alcançar 41 voos. Já o número de turistas do Brasil em relação ao ano de 2018 teve um aumento de 42%, atingindo cerca de 60.000 passageiros.

O Secretário de Turismo da cidade de Bariloche Gastón Burlon, afirmou que a temporada foi bem-sucedida em vários aspectos. “O número de chegadas, o registro de voo e o número de cidades que os voos foram conectados foi muito positivo. Este ano tivemos mais cidades na Argentina e no Brasil com voos diretos para Bariloche”, afirma Gastón.

Temporada de Verão

A expectativa é que a temporada de verão também seja bem-sucedida. A desvalorização da moeda Argentina e as condições econômicas no Brasil posicionam Bariloche como uma das grandes opções para o verão e o outono.

Os passageiros no Brasil poderão agendar suas viagens para desfrutar dos produtos e eventos que a cidade prepara para os próximos meses.

O verão em Bariloche é sinônimo de muita diversão em ambientes naturais, excelente gastronomia, e até mesmo praias em rios e lagos transparentes com boas temperaturas.