Pin It

O Centro de Convenções abriga, nesta semana, duas grandes feiras de negócios e de investimentos do Nordeste. Até 26 de setembro, o espaço sediará a 27ª edição da Agrinordeste e a 14ª edição da Super Mix. Além de fomentar negócios, as feiras buscam promover o compartilhamento de conhecimento sobre os setores de alimentação, floricultura, fruticultura, horticultura, limpeza, bebidas, supermercados e atacados em geral.

Neste ano, as feiras devem receber mais de 30 mil pessoas e arrecadar mais de R$ 1 bilhão em negócios e serviços. A Secretaria de Turismo e Lazer, por meio da Empetur, disponibiliza aos visitantes dos eventos dois Centros de Atendimento ao Turista (CATs), no horário de funcionamento dos eventos. Nos dois estandes, estarão à disposição atendentes para esclarecer dúvidas sobre a capital pernambucana e o interior do Estado.

O visitante que vem ao Recife a negócios é um dos mais importantes para o turismo de Pernambuco. Pesquisa realizada pela Empetur em 2018 apontou que o turista que vem ao Estado a negócios fica em média seis dias. Ele gasta em média R$ 251 por dia. Dos entrevistados que vieram a trabalho no ano passado, 96% deles afirmaram que indicariam o Recife como destino de negócios e lazer.

“Em mais um ano, o nosso Centro de Convenções abre as portas para receber duas feiras de grande prestígio na capital. Além da variedade de expositores e palestras, o visitante poderá saber mais sobre os atrativos do Recife e do interior a partir dos nossos CAT’s”, destaca o secretário de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes.

O Centro de Convenções abriga, nesta semana, duas grandes feiras de negócios e de investimentos do Nordeste. Até 26 de setembro, o espaço sediará a 27ª edição da Agrinordeste e a 14ª edição da Super Mix. Além de fomentar negócios, as feiras buscam promover o compartilhamento de conhecimento sobre os setores de alimentação, floricultura, fruticultura, horticultura, limpeza, bebidas, supermercados e atacados em geral.

Neste ano, as feiras devem receber mais de 30 mil pessoas e arrecadar mais de R$ 1 bilhão em negócios e serviços. A Secretaria de Turismo e Lazer, por meio da Empetur, disponibiliza aos visitantes dos eventos dois Centros de Atendimento ao Turista (CATs), no horário de funcionamento dos eventos. Nos dois estandes, estarão à disposição atendentes para esclarecer dúvidas sobre a capital pernambucana e o interior do Estado.

O visitante que vem ao Recife a negócios é um dos mais importantes para o turismo de Pernambuco. Pesquisa realizada pela Empetur em 2018 apontou que o turista que vem ao Estado a negócios fica em média seis dias. Ele gasta em média R$ 251 por dia. Dos entrevistados que vieram a trabalho no ano passado, 96% deles afirmaram que indicariam o Recife como destino de negócios e lazer.

“Em mais um ano, o nosso Centro de Convenções abre as portas para receber duas feiras de grande prestígio na capital. Além da variedade de expositores e palestras, o visitante poderá saber mais sobre os atrativos do Recife e do interior a partir dos nossos CAT’s”, destaca o secretário de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes.