Gilson Machado Neto destacou as oportunidades de negócios no Brasil ao Grupo Al Habtoor

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, apresentou na segunda-feira (4), em Dubai, o Portal de Investimentos do Ministério do Turismo para empresários do Grupo Al Habtoor. Na ocasião, Machado Neto destacou as vantagens de se investir no Brasil no período pós-pandemia. Também participaram do encontro o presidente da Embratur, Carlos Brito, e a secretária nacional de Atração de Investimentos, Parcerias e Concessões do MTur, Débora Gonçalves, entre outros.

O Grupo Al Habtoor é uma das empresas mais respeitadas e bem-sucedidas dos Emirados Árabes Unidos, com milhares de profissionais qualificados em vários países do mundo. Assim como os Emirados Árabes Unidos se tornaram sinônimo de comércio e empreendimentos em todo o planeta, o nome do Grupo Al Habtoor indica crescimento dinâmico, evidenciado por seu compromisso com o desenvolvimento e a ampliação de negócios em diversos setores.

Durante a conversa com o presidente do Grupo, Mohammed Khalaf Al Habtoor, o ministro Gilson Machado Neto mostrou o potencial do Brasil no turismo, detalhou ações adotadas pelo governo federal para desburocratizar o setor e convidou os empresários a conhecerem o país. “O ambiente no Brasil para o investidor está cada vez melhor, com medidas para simplificar a vida das empresas, gerando, assim, emprego e renda para a população que trabalha no setor”, disse, citando um estudo em curso para diminuir os custos das passagens áreas no Brasil.

Machado Neto também destacou obras de infraestrutura turística no país, a importância de programas como o Revive Brasil e a constante busca para simplificar regras e facilitar a chegada de investidores. Além disso, o ministro falou do combate à corrupção, do programa de concessão de parques naturais e informou a intenção da Embratur de abrir um escritório em Dubai. “Semana passada, completamos 1.000 dias de governo sem um caso de corrupção. Estamos recuperando a autoconfiança do nosso povo e estamos prontos para receber os investigadores internacionais”, comentou.

O presidente do Grupo, Mohammed Khalaf Al Habtoor, afirmou que nunca esteve na América do Sul, mas disse que conhece a dimensão do Brasil. Ele pediu mais informações sobre o Portal de Investimentos, taxas e o ambiente de negócios no país. “Vamos analisar as informações e avaliar a possibilidade de investimentos no Brasil com o nosso Grupo”, declarou.

Siga-nos