Intuito da viagem é trazer experiência, tanto fotográfica quanto de novos costumes e culturas

A Schultz Operadora continua inovando em seus projetos. Desta vez, firmou parceria com o fotógrafo, escritor, jornalista e conservacionista Haroldo Castro, criador da Viajologia Expedições, uma operadora especializada em jornadas a destinos exóticos. Segundo Aroldo Schultz, presidente do Grupo Schultz, a aposta é no diferencial que as viagens do fotógrafo podem oferecer. “Acredito que vamos vender muito juntos, pois os locais são selecionados a dedo e as visitas, fantásticas. Depois de uma de nossas viagens, o viajante voltará com muito mais conhecimento. As viagens enriquecem a alma."

Para Haroldo Castro, a parceria com a Schultz é essencial para a Viajologia Expedições. “Temos um produto singular, de muita qualidade, mas precisamos de uma rede de distribuição dinâmica como a da Schultz, para que clientes de todo o Brasil possam ter acesso a esses destinos exóticos”, afirma o fotógrafo.

O primeiro pacote a ser lançado levará um grupo seleto de brasileiros à Etiópia para celebrar a Páscoa nas igrejas ortodoxas esculpidas na rocha de Lalibela. “Acompanhei esta festa em 2010. Foi uma experiência inesquecível. A Semana Santa é vivenciada com grande devoção e segue uma tradição mística que não encontrei em nenhum outro lugar. É um mundo parado no tempo”, diz Castro.

O grupo também conhecerá a nascente do rio Nilo Azul, monastérios e castelos medievais, os monolitos de Aksum, paisagens espetaculares e a hospitalidade do povo etíope. “A riqueza cultural e espiritual da Etiópia é muito expressiva. Precisamos romper este preconceito que isola certas nações africanas. Viajar para descobrir o aspecto positivo de um lugar é praticar a viajologia”, afirma Haroldo.

O fotógrafo – Em 40 anos de viagem pelo mundo, Haroldo Castro, autor de "Luzes da África", conheceu e documentou 163 países, e agora compartilha seu vasto conhecimento em viajologia, levando pequenos grupos de viajantes a lugares exóticos do planeta. Haroldo afirma que seu nicho é muito particular, pois seu cliente não é aquele que pretende fazer compras em Nova Iorque ou visitar Paris e Londres. "Se você quiser participar da celebração de uma festa religiosa na Etiópia, conviver com pastores nômades na Ásia Central ou realizar um safári fotográfico na Namíbia, venha viajar comigo", convida Castro.

Siga-nos