Sob o tema “Gestão financeira para agências de viagens”, o instrutor Lúcio Oliveira promove o debate acerca das habilidades e das ações práticas para a conquista de um melhor controle dos indicadores financeiros de uma empresa

Abordando assuntos relacionados ao departamento financeiro das agências de viagens, o ranking das capacitações mais solicitadas pelas Abavs Estaduais ao longo do primeiro semestre deste ano, segundo dados divulgados pelo Instituto de Capacitação e Certificação da Abav Nacional (Iccabav), indica que dois treinamentos ficaram empatados na terceira posição. 

Sob o tema “Gestão financeira para agências de viagens”, o instrutor Lúcio Oliveira promove o debate acerca das habilidades e das ações práticas para a conquista de um melhor controle dos indicadores financeiros de uma empresa. Assistentes, gerentes e diretores compõem o público-alvo do curso, cujo conteúdo programático envolve a criação de controles financeiros e planos de contas, análise do fluxo de caixa e determinação do capital de giro, bem como a apuração dos resultados da empresa, a descoberta do ponto de equilíbrio e a margem de lucratividade, noções de estratégias tributárias e políticas de crédito. 

Na opinião de Oliveira, a demanda crescente por capacitações sobre este assunto se dá “pela necessidade de profissionalização a respeito de temas ligados à questão das finanças das agências. Todos os empreendedores têm visto que situações e gargalos não resolvidos geram impeditivos de crescimento e prejuízos imediatos. O primeiro impacto real é quando falta dinheiro no fluxo de caixa e, com isso, vários problemas acontecem de forma crescente e complexa. Na grande maioria das agências o problema não é no departamento financeiro e, sim, nas finanças da empresa, as quais são impactadas por todas as regras e políticas do negócio que não são cumpridas”. 

Até novembro, o treinamento estará disponível para os agentes de viagens nas cidades de Brasília (DF), Palmas (TO), Salvador (BA) e Teresina (PI). 

 

Cobrança de serviços básicos 

Ocupando também o terceiro lugar na relação dos cursos mais visados entre os meses de janeiro e julho de 2014, a capacitação “Fee – cobrança de serviços básicos para agências de viagens”, ministrada pelo palestrante Júlio Verna, foi realizada pela primeira vez em abril, em Macapá (AP), e, desde então, já está programada para os estados do Pará e Rondônia. 

Com o objetivo de apresentar os conceitos básicos da metodologia de precificação dos serviços de viagens e aprimorar os argumentos para uma atuação mais efetiva no que diz respeito aos clientes e prospecções, o curso inclui o debate acerca de tópicos como avaliação do mercado de turismo como um todo, distribuição e intermediação, sustentabilidade financeira, análise básica e organização de dados financeiros, vantagens e transparência na cobrança de serviços, geração de novas receitas, modalidades de precificação e processo de conversão, entre outros. 

“No curso de fee o aluno tem um entendimento amplo sobre o negócio de agenciamento de viagens, com visão financeira, administrativa, comercial e operacional. Profissionais mais capacitados e conscientes tornam suas empresas melhores. Empresas melhores fazem o mercado ser melhor, reconhecido e valorizado”, exalta o palestrante. Verna reitera também que “o mercado de agenciamento de viagens vem se aperfeiçoando e se especializando; esta é uma mudança de postura”. 

 

Confira, abaixo, a programação de ambos os treinamentos para os próximos meses:

Gestão financeira para agências de viagens 

Abav-PI (Teresina): agendado para os dias 3 e 4 de setembro

Abav-DF (Brasília): agendado para os dias 24 e 25 de novembro

Abav-TO (Palmas): agendado para os dias 26 e 27 de novembro 

 

Fee – cobrança de serviços básicos para agências de viagens

Abav-PA (Belém): agendado para os dias 3 e 4 de novembro

Abav-PA (Santarém): agendado para os dias 17 e 18 de novembro

Abav-RO (Porto Velho): agendado para os dias 10 e 11 de novembro

Siga-nos