×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 2808

Comissão de Turismo do Senado aprova requerimento para audiência publica que debaterá gargalos do setor aéreo


O transporte aéreo brasileiro, os serviços oferecidos pelas companhias aéreas e a estrutura aeroportuária brasileira serão tema de audiência pública na CDR (Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo) do Senado Federal. O requerimento, apresentado pela senadora Lídice da Mata (PSB-BA) foi aprovado na manhã desta quarta-feira, em Brasília. A data do encontro ainda não foi definida.

A proposta da senadora Lídice da Mata visa debater o transporte aéreo no Brasil e analisar as mudanças necessárias no sistema de gestão aeroviário. Para o debate, serão convidados o presidente da Braztoa (Associação Brasileira de Operadores de Turismo), Marco Ferraz; o presidente do Sindetur-SP (Sindicato das Empresas de Turismo no Estado de São Paulo), Eduardo Vampré do Nascimento; um representante da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) e um representante da Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária).

O requerimento da senadora se baseia no fato do trade turístico nacional ter mostrado insatisfação e reclamado da atual estrutura de transporte aéreo, bem como dos serviços oferecidos. “Há um gargalo nas condições de estrutura e serviços que precisa ser resolvido, pois a tendência é de um agravamento do quadro em função dos megaeventos internacionais que se aproximam”, afirmou Lídice da Mata.

Entre os gargalos citados pela senadora estão o alto preço das tarifas aéreas, as poucas alternativas de rotas e frequências de voo e, principalmente, a implantação de conexões regionais ligando, por exemplo, a capital da Bahia, Salvador, a cidades da região turística da Chapada Diamantina, que compreende 26 municípios, e outros polos de atração, como Juazeiro e Sobradinho, entre outros.

   

Siga-nos