Ações incluem compra de alimentos e pagamento dos professores
O ministro do Turismo, Gastão Vieira, acompanhou - na tarde desta segunda-feira - a assinatura do convênio de manutenção do restaurante-escola ‘Estação Bistrô’, entre a Prefeitura de Santos, Universidade Católica de Santos e Sociedade Visconde de São Leopoldo.

Fruto de parceria entre a prefeitura local e o MTur (responsável por investimentos de R$ 990 mil), o projeto receberá agora recursos do ministério para a compra de alimentos (por quatro meses) e pagamento dos professores (por dois anos).

Segundo o prefeito de Santos, João Paulo Papa, a participação do Ministério do Turismo foi decisiva: “Ter à frente do ministério do Turismo uma pessoa com experiência administrativa e de vida é um conforto para os gestores das cidades turísticas brasileiras, como Santos e a Baixada Santista”.

Por sua vez, Gastão Vieira defendeu a missão de sua pasta: “O turismo é, talvez, a atividade econômica mais forte do mundo. Ela permite que as pessoas conheçam novos locais e tenham novas experiências. E isso se traduz em felicidade...”.

A região que hoje reúne, além do novo restaurante e da estação de bondes, a sede da Secretaria de Turismo, é um dos orgulhos da nova fase de Santos. Afinal, há cerca de quatro anos esse bairro portuário era um misto de decadência e degradação. “A escolha da estação de bondes para abrigar o restaurante-escola foi muito feliz. Essa região, agora restaurada, fará parte do futuro de jovens que buscam a melhoria de suas vidas”, concluiu Gastão Vieira.

Siga-nos