Evento integra o 11º Festival de Turismo das Cataratas, a ser realizado em junho de 2016 em Foz do Iguaçu

Com o tema "Turismo e Megaeventos no Brasil", o 10º Fórum Internacional de Turismo do Iguassu debaterá o fortalecimento da atividade turística por meio dos grandes eventos. A temática acaba de ser aprovada pela comissão organizadora do evento, juntamente com os representantes das instituições parceiras. O fórum será realizado de 15 a 17 de junho de 2016 em Foz do Iguaçu, integrando a programação do 11º Festival de Turismo das Cataratas (FIT).

Considerado um dos principais eventos técnicos e científicos de turismo no Brasil, o encontro recebe todo ano centenas de inscrições de trabalhos na forma de resumo expandido, de autoria de alunos dos cursos de graduação sob a orientação de professores. Também podem ser enviados artigos científicos de estudantes de graduação e pós-graduação, professores, pesquisadores ou profissionais do turismo e de áreas correlatas.

Em 2016, os trabalhos e artigos irão abranger 12 eixos estruturantes do turismo, sendo: Planejamento e Política Pública; Desenvolvimento Local e Regional; História e Cultura; Meio Ambiente; Lazer e Entretenimento; Hospitalidade; Educação e Formação Profissional; Inovação e Tecnologia; Gastronomia; Marketing e Serviços; Eventos; e Turismo sem Fronteiras. Os textos poderão ser elaborados nos idiomas português, espanhol e inglês.

Conforme explica o coordenador do Fórum Internacional de Turismo do Iguassu, professor Francisco Antonio dos Anjos, o evento propõe a reflexão abrangente sobre as atividades do turismo. "O formato do fórum possibilita a discussão ampla e transversal de todas as áreas que dialogam com o turismo. É uma forma de explorar as potencialidades que o setor oferece, visando sempre à melhoria da oferta de serviços", reflete.

A programação do Fórum Internacional do Turismo contará com a palestra de abertura de Mathilda Van Niekerk, coordenadora da Copa do Mundo de 2010, realizada na África do Sul (responsável pelo marketing, comunicação, eventos e hospedagem do megaevento). Além da presença de profissionais de referência nacional e internacional, o coordenador do Festival de Turismo das Cataratas, Paulo Angeli, destaca a importância do fórum para a integração entre a universidade e a comunidade.

"Em nove edições, o evento contribuiu para aprimorar a oferta de serviços em turismo e hospitalidade, além de estimular a iniciação científica e a reflexão acadêmica", explica Angeli. Para ele, a localização geográfica de Foz do Iguaçu constitui um diferencial para a atração de estudantes, professores e profissionais do turismo de vários países. "A cidade tem a vocação para a integração entre os povos e culturas, especialmente no Mercosul", conclui.

As inscrições para o fórum deverão ser efetuadas a partir de março do próximo ano, mas as informações sobre as normas e procedimentos já estão disponíveis no site do evento: www.festivaldeturismodascataratas.com. Para poder apresentar seus trabalhos, pelo menos um dos autores deverá estar inscrito e confirmado no encontro por meio de pagamento da taxa.

Os autores classificados em primeiro lugar nas modalidades  Trabalho Acadêmico e Artigo Científico receberão prêmios de R$ 2 mil. Já os segundos colocados em cada categoria serão contemplados com R$ 1 mil cada. Os textos serão publicados em anais, livros ou revistas impressos ou no formato digital (on-line), conforme definição da comissão.

O Fórum Internacional do Turismo é organizado pela empresa iguaçuense De Angeli Feiras e Eventos, em parceria com a Universidade do Vale do Itajaí (Univali/SC), por meio do Programa de Pós-Graduação em Turismo e Hotelaria, níveis de mestrado e doutorado, e a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), e conta com apoio de diversas instituições brasileiras de ensino superior.

Siga-nos