Funcionários e estudantes fazem visita técnica e conhecem todo o trabalho de promoção do turismo brasileiro realizado no exterior pela Embratur

A Embratur recebeu hoje (12), um grupo de 37 servidores públicos de vários órgãos da Administração Direta do Estado de Santa Catarina com o intuito de apresentar as ferramentas de promoção turística internacional e para uma visita técnica ao Instituto. Os visitantes são alunos do Curso de Gestão Pública Avançada – GPA, da Fundação Escola de Governo – ENA.

No encontro, os servidores assistiram a uma apresentação feita por Austerlitz Bringel Erse, coordenador-geral de Administração da Embratur, sobre como é realizado o trabalho de gestão administrativa e financeira da Autarquia (pessoal, materiais, serviços, tecnologia e etc.), assim como orgonograma, estrutura, orçamento e atividades de suporte às Diretorias e Presidência.

Leila Holsbach, assessora da presidência da Embratur fez uma apresentação sobre as estratégias de promoção e imagem internacional do Brasil, além do eixo de atuação do Institudo. “Desde 2003 a Embratur realiza, exclusivamente, ações de promoção, marketing e apoio a comercialização dos destinos, produtos e serviços turísticos brasileiros no mercado internacional”, explicou. A assessora lembrou que as ações e as ferramentas promocionais são específicas por país e criadas a partir de cinco grandes segmentos: Sol e Praia, Ecoturismo e Aventura, Cultura e Esporte.

Holsbach destacou a participação do Brail em feiras internacionais, falou sobre as principais ferramentas de publicidade e digitais utilizadas para divulgar o País no exterior e sobre a Marca Brasil. “É aplicada em todo o material de promoção internacional do País e seu  índice de reconhecimento lá fora é de 29,5%”, disse ela.

Sobre o Plano Aqurela 2020 (publicação que norteia as diretrizes da Embratur), a assessora explicou que os objetivos principais são: o crescimento da entrada de divisas, crescimento da entrada de turistas e aumento do gasto médio dos turistas estrangeiros no Brasil. “Queremos cada vez mais aumentar a permanência média desse turista no nosso País e priorizar a América do Sul em ações que incrementam as viagens interregionais”, ressaltou.

Ao final, o grupo visitou  todas as diretorias e suas respectivas áreas.

 

Siga-nos

 

Mais Lidos