Candidata é a oitava a receber o documento Turismo: +desenvolvimento +emprego +sustentabilidade

Marina Silva, candidata à Presidência da República pela Rede recebeu o documento Turismo: +desenvolvimento +emprego +sustentabilidade, com propostas elaboradas por 25 entidades e associações empresariais do turismo, reunidas no Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade (Cetur), da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A entrega foi realizada em 31 de agosto, na Casa Firjan, no Rio de Janeiro, onde a candidata participou de sabatina organizada pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

A entrega foi feita pelo presidente do Cetur/CNC, Alexandre Sampaio, e pelo secretário executivo do Cetur, Eraldo Alves da Cruz. Também estiveram presentes o presidente da Firjan, Eduardo Eugênio, e o deputado federal Miro Teixeira (Rede), candidato ao Senado pelo Rio de Janeiro.

Durante o encontro, os empresários elencaram os principais gargalos para o turismo nacional atualmente, entre eles a infraestrutura, os altos custos com tributação, a falta de promoção do Brasil e a regulação do setor.

Documento aponta cinco pilares de ação

O documento Turismo: +desenvolvimento +emprego +sustentabilidade aponta caminhos para alavancar a indústria do turismo como vetor da retomada do crescimento econômico e da geração de empregos por meio de cinco pilares de ação: infraestrutura, promoção, gestão e monitoramento, segurança jurídica e competitividade.

Marina Silva foi a oitava candidata à Presidência a receber a publicação. Também receberam os candidatos Álvaro Dias (Podemos), Guilherme Boulos (PSOL), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Henrique Meirelles (MDB), Jair Bolsonaro (PSL) e João Amoêdo (Novo).

 

Siga-nos

 

Mais Lidos

  • Semana

  • Mês

  • Tudo