Medida valer até o dia 31 de março

A Argentina fechou, nesta sexta-feira (27), todas as suas fronteiras para evitar o contágio no novo coronavírus. O governo de Alberto Fernández proibiu a entrada no país através de portos, aeroportos e fronteiras internacionais. A medida passou a valer da meia-noite desta sexta-feira e fica em vigor o dia 31 de março. Ela foi publicada no Diário Oficial argentino, através de um Decreto de Necessidade e Urgência. A partir de agora, só será permitido a entrada de argentinos que estavam, comprovadamente, voltando ao país nas últimas 48h.

“O governo nacional ordenou o fechamento de todas as fronteiras do país para o tráfego aéreo, terrestre e marítimo a partir das 00h desta sexta-feira, para reforçar as medidas contra o coronavírus”, afirmou o ministro da Defesa, Agustín Rossi, à rádio La Red.

Siga-nos